Saiba tudo sobre a profissão de assistente administrativo e descubra se ela é para você!
Cursos Rápidos

Saiba tudo sobre a profissão de assistente administrativo e descubra se ela é para você!

24/06/2022 • 3 min de leitura

  Você está buscando uma profissão que lhe permita atuar nas mais diversas áreas do mercado e que ofereça muitas oportunidades? Então, o cargo de assistente administrativo pode ser o que você procura!  Muito buscado pelas empresas e organizações, o assistente administrativo atua como uma espécie de suporte na gestão de empresas, trabalhando essencialmente nos setores financeiro, comunicacional, de logística e nos processos operacionais.   Esse profissional é fundamental para garantir o pleno funcionamento de muitos negócios e, por isso, vagas são abertas constantemente, não faltando oportunidades para quem quer ingressar na área administrativa. Quer saber se essa é a profissão ideal para você? Acompanhe o texto abaixo e descubra quais habilidades você precisa ter para atuar nela, como se qualificar e como está o mercado de trabalho atualmente. E mais: saiba também a diferença entre assistente administrativo e auxiliar administrativo.  Boa leitura! O que faz um assistente administrativo? Como um assistente administrativo você será responsável pelas demandas administrativas da empresa. Sua rotina de trabalho pode ser bastante diversificada e contar com algumas atividades como: Suporte às demandas operacionais; Atendimento aos fornecedores e clientes; Gerenciamento de arquivos, cadastros e documentos recebidos ou enviados; Apoio no controle de contas, correspondências, emissão ou lançamento de nota fiscal; Elaboração de planilhas e relatórios gerenciais; E muito mais! As possibilidades são inúmeras. Além do trabalho de auxiliar os gestores e líderes, esse profissional comumente também realiza atividades de apoio a outras áreas, principalmente recursos humanos, marketing e financeiro. É possível me tornar um assistente administrativo sem fazer um curso superior? Sim! Você irá encontrar vagas para assistente administrativo em que o único pré-requisito de formação é ter o Ensino Médio completo. Porém, se você deseja se destacar no mercado de trabalho e crescer na carreira, é altamente recomendável fazer um curso rápido de assistente administrativo ou um curso técnico em administração. O que é preciso para ser um assistente administrativo? Além de ter uma boa comunicação e ser uma pessoa que gosta de organização, você também precisará estar bastante familiarizado com a tecnologia. Afinal, as rotinas administrativas, em sua grande maioria, vão envolver o uso de conhecimentos em programas de informática, como o Word e o Excel. Além disso, agilidade, responsabilidade, boa memória e facilidade para lidar com números são algumas habilidades bastante importantes para a função. Além das competências que listamos acima, ter algum conhecimento em inglês não é obrigatório, mas lhe garante um bom diferencial nos processos seletivos. Como me tornar um assistente administrativo? A melhor maneira de ingressar na área é fazendo um curso técnico ou rápido, pois com uma dessas qualificações seu currículo ganhará mais credibilidade, você desenvolverá as competências buscadas pelas empresas e aumentará suas chances de ser contratado(a).  Qual a diferença entre auxiliar administrativo e assistente administrativo? De modo geral, o assistente administrativo exerce funções mais complexas do que o auxiliar administrativo. O assistente normalmente cumpre as funções mais complexas e atua diretamente ao lado dos gestores. Já para a função de auxiliar administrativo, as funções comumente delegadas são de atendimento, controle e preenchimento de planilhas e documentos, organização de arquivos e registros, entre outras atividades burocráticas semelhantes. Outro ponto a se destacar também é que é bastante comum que as empresas exijam uma qualificação para o cargo de assistente administrativo. E, por conta disso, sua a remuneração é mais alta do que a de um auxiliar. Mercado de trabalho para assistente administrativo Por ser uma função extremamente essencial na maioria das empresas e organizações, existem muitas oportunidades de trabalho para os profissionais nos mais diversos setores da economia, conforme já foi citado anteriormente. Mas fica a dica: uma qualificação vai lhe garantir as melhores colocações, mais oportunidades de crescimento e, é claro, um salário maior. Também existem muitas vagas disponíveis em órgãos públicos. Mas, nesses casos, é necessário ser aprovado em um concurso público para atuar na função.   Como você pode perceber, a carreira de assistente administrativo pode abrir muitas portas para quem está buscando uma profissão. E não esqueça: se você quer tornar-se um profissional qualificado e ganhar destaque nos processos seletivos, conte com a instituição de ensino que é referência mundial em ensino profissionalizante! Vem pro SENAI! 💙

Estudar em casa: 8 dicas de como aumentar o desempenho
Metodologias

Estudar em casa: 8 dicas de como aumentar o desempenho

17/06/2022 • 4 min de leitura

  O isolamento social dos últimos anos, decorrente da covid-19, mudou não só a forma como nos relacionamos, a forma como compramos ou como trabalhamos. Um dos maiores impactos foi na educação.  O ensino a distância, que era uma realidade de poucas pessoas, passou a se tornar uma realidade para a maioria que tinha algum curso em andamento ou até mesmo a escola ou a faculdade. Leia também ++ A importância do ensino a distância na sociedade: entenda mais sobre a modalidade Quais as maiores vantagens de estudar em casa? Diante desse cenário citado acima, foi possível avaliar os prós e os contras dessa modalidade de ensino que é preferida pela maioria das pessoas: o ensino à distância. Mas, você sabe quais são os maiores benefícios de estudar em casa? Confira: Flexibilidade: flexibilidade para estudar de onde quiser e a hora que quiser são os maiores destaques do ensino à distância, isso porque você pode estudar de acordo com o seu ritmo de aprendizagem. Autonomia : Pessoas que estudam em casa precisam aprender a lidar melhor com a gestão do tempo e de responsabilidades, o que pode desenvolver mais autonomia para o aluno. Praticidade: Sabe-se que nem todas as pessoas moravam próximas as instituções de ensino e passavam, muitas vezes, horas em deslocamento. Com o ensino a distância, não é necessário sair de casa e se locomover até a instituição de ensino todos os dias, o que se torna mais prático e menos exaustivo. Economia: Não ter custos com transportes e lanches, principalmente, torna o ato de estudar em casa mais econômico. É importante salientar que, atualmente, os ensinos semipresenciais ou híbridos também são uma possibilidade. Quer saber mais sobre essas modalidades? Leia este conteúdo completo. Dicas para você estudar em casa Agora confira 8 dicas de como você pode criar uma rotina de estudos eficiente, estudando no conforto da sua casa e otimizando o seu tempo. 1 – Defina um local para os estudos Para iniciar sua rotina é importante escolher o melhor local para o estudo. O espaço deve ser propício para melhorar o seu desempenho, deve ter uma boa iluminação, ser arejado, silencioso e confortável. É importante que o lugar que você estuda seja diferente do lugar que você tem lazer, ou dorme (como a sua cama, por exemplo). Pode ser no mesmo cômodo, mas é importante que você crie um microambiente propício para os estudos e sem distrações. 2 – Tenha metas Organize o seu tempo, faça um cronograma e defina metas. As metas podem ser um número de páginas que você vai ler e depois escrever para fixar. Pode ser uma quantidade de tempo que você vai estudar sem pausas ou um número de exercícios que você vai resolver naquele dia. Veja o que funciona para você. 3 – Se organize! Organização é a chave para um bom desempenho em qualquer coisa que você se proponha. Saiba quais são os conteúdos que você vai estudar hoje, qual horário você vai estudar, quanto tempo você vai dedicar para cada atividade, se planeje para os próximos dias e não deixe nada para cima da hora. 4 – Atenção às videoaulas!  Sempre que estiver assistindo uma aula, sendo ela ao vivo ou não, lembre-se de sempre anotar os principais pontos abordados. Tenha um caderno, como você fazia na escola e em cursos presenciais em geral! Facilita muito para fixar o conteúdo e saber o que estudar para as provas e atividades. Leia também ++ Conheça opções de Cursos Técnicos EaD para fazer ainda este ano 5 – Tenha constância Evite acumular matérias e aulas. É mais produtivo que você estude todos os dias, de segunda à sexta. durante 1 hora, do que deixe para estudar no sábado 5 horas seguidas. Isso vai ajudar você a criar o hábito de estudar, a fixar melhor os conteúdos e deixar a procrastinação de lado! 6 – Seja responsável Estudar em casa traz mais liberdade e menos cobranças. Isso não quer dizer que, porque não tem alguém cobrando você, você não vai fazer, certo? Ir bem nas matérias e provas é algo que é relevante apenas para a sua vida. Então, crie essa responsabilidade, não procrastine. Entregue os trabalhos nos dias, assista às aulas, faça as provas. Mostre que você é responsável e tem autonomia diante da sua própria vida e futuro. 7 – Evite distrações, mantenha o foco Um dos maiores desafios de estudar em casa é não se deixar levar pelas distrações do dia a dia: celular, redes sociais, séries, conversas com amigos e familiares, procrastinação… As possibilidades de distração são ainda maiores do que nas instituições de ensino presenciais, por isso, essa dica vem de encontro a todas as outras: se você tem um local para estudar, metas, organização e for responsável com as suas atividades diárias, as distrações se tornam cada vez menos atrativas. Mas você também pode separar horários do seu dia para mexer no celular, assistir o episódio de uma série ou fazer qualquer outra coisa que você queira. O importante é não substituir as responsabilidades por prazeres e sim equilibra-los. 8 –  Faça intervalos Como falamos, equilíbrio é o segredo.  Desenvolver o hábito de inserir pequenos intervalos durante a rotina de estudos é essencial pois se torna menos cansativo e mais prazeroso. Saber que você vai estudar durante 1 hora e depois poderá fazer 20 minutos do que quiser, por exemplo. Estabeleça esse tempo de descanso ou lazer entre uma matéria e outra. Antes de começar um novo conteúdo, reserve um tempo para você! Beba água, vá ao banheiro, alongue as pernas ou até mexa no celular! Assim, você tornará sua rotina de estudos mais leve e eficaz, contribuindo também para  a sua saúde mental,  fazendo com que você seja mais constante. Gostou? Veja opções de cursos EaD de uma das melhores instituições de ensino do mundo: o SENAI. Coloque SENAI no seu currículo e ingresse no mercado de trabalho. Cursos de diversas modalidades com o certificado sem distinção dos certificados de cursos presenciais. Escolha o seu curso agora e transforme o seu futuro.

O que faz um designer gráfico? Descubra tudo sobre a profissão
Cursos Rápidos

O que faz um designer gráfico? Descubra tudo sobre a profissão

10/06/2022 • 3 min de leitura

  Diversas profissões tiveram um crescimento acentuado nos últimos anos. Com o design gráfico não foi diferente. Com a evolução do mundo digital, as possibilidades de atuação do designer gráfico aumentaram bastante.  Pesquisas sobre tendências de mercado apontam que a profissão ainda é considerada promissora para os próximos anos. Por conta das diversas possibilidades de atuação na área, muitas pessoas ainda não têm certeza sobre o que faz esse profissional, onde pode atuar e quais os cursos mais indicados para se tornar um bom designer gráfico. É importante ter conhecimento sobre esses pontos antes de escolher uma profissão. Por isso, continue lendo o conteúdo e tire todas as suas dúvidas sobre a profissão de designer gráfico. O que é design gráfico e o que faz um designer gráfico? O design gráfico está presente em praticamente tudo ao nosso redor: embalagens, capas de livros, panfletos, logotipos, sites, etc. Os desenhos, o estudo e escolha das cores e fontes, a composição entre textos e elementos gráficos, tudo isso é trabalho do profissional conhecido como designer gráfico. Ou seja, ele cria uma identidade visual unindo criatividade, arte e tecnologia para comunicar uma ideia, conceito ou produto. Resumindo, as principais funções que o profissional de design gráfico pode desempenhar, são: Criação de logotipos, outdoors, banners, cartões de visita, panfletos, embalagens e peças gráficas em geral de marcas, produtos ou serviços Produção e criação de animações para o meio digital Criação visual de sites, blogs, banners, panfletos digitais e peças publicitárias digitais em geral Diagramação de jornais, revistas, infográficos, livros, etc. Criação de identidades visuais e campanhas em geral Leia também ++ Cursos de tecnologia em alta: descubra qual é o melhor para você  Mercado de trabalho para design gráfico Por ser uma profissão essencial para a comunicação, marketing e publicidade, o mercado de trabalho para o designer gráfico está bastante aquecido e bons profissionais têm sido procurados principalmente por: Agências de Publicidade Departamentos de marketing de empresas Estúdios de design Empresas de comunicação Emissoras de TV e produtoras de vídeo Editoras Gráficas Designer gráfico precisa saber desenhar? Muitas pessoas questionam se o profissional de design gráfico precisa saber desenhar. E não há uma única resposta porque, como já falamos, as áreas de atuação são muitas. Saber desenhar pode ser uma vantagem, mas é importante lembrar que o desenho é apenas parte de um projeto de design gráfico e não o trabalho em si. Perfil do profissional Algumas características são mais exigidas pelo mercado de trabalho até do que a habilidade de desenho. Confira algumas: Domínio das ferramentas tecnológicas necessárias Atenção a detalhes Bom senso estético Organização Capacidade de direcionar e gerenciar projetos de comunicação visual Domínio da língua portuguesa Trabalho em equipe Leia também ++ O que são soft skills e como desenvolvê-las Quais as principais ferramentas da área? Algumas ferramentas são diariamente utilizadas pelos profissionais da área de design. Entre elas estão: Adobe Illustrator CorelDraw Adobe Photoshop Adobe InDesign Adobe After Effects Sketch WhatTheFont Quanto ganha um designer gráfico? Como citamos, atualmente, muitos profissionais trabalham em agências de publicidade, departamentos de marketing e empresas de comunicação. Mas há também uma grande quantidade de designers que são autônomos, ou seja, profissionais liberais que prestam serviços para empresas por tempo determinado, conhecidos também como freelancers. Segundo o site glassdoor, um designer gráfico no Brasil ganha, em média, R$ 2.227/mês.  Em geral, os salários variam de R$2 mil até R$9 mil, dependendo do tempo de experiência, Como se tornar um designer gráfico? Apesar de o diploma de graduação não ser pré-requisito obrigatório para ingressar na área, o que torna o mercado ainda mais competitivo, ele não deixa de ser um diferencial. Para se tornar bacharel em design gráfico, você deve buscar uma graduação em design gráfico e ela dura 4 anos. Há também os cursos tecnólogos, que duram em média 2 anos e meio e também são considerados cursos superiores. Além dessa formação inicial, é importante se manter atualizado. Até porque as metodologias e ferramentas estão sempre evoluindo e é importante que o profissional acompanhe e se capacite para se destacar no mercado de trabalho. Leia também ++ Curso rápido: o que é, quem pode fazer e opções para você se destacar Instituições como o SENAI, que estão sempre acompanhando a evolução do mercado de trabalho e capacitando e auxiliando na inserção desses profissionais nas áreas desejadas, possuem cursos rápidos de aperfeiçoamento profissional para o desenvolvimento de habilidades específicas do profissional de design gráfico. Conheça alguns: Marketing Digital e Design Gráfico (Verifique a disponibilidade do curso na sua cidade.) Design Gráfico com Corel Draw Verifique a disponibilidade do curso na sua cidade Leia também ++ Curso de marketing digital: por que eu devo fazer um? Gostou? Fique por dentro das áreas mais promissoras do mercado de trabalho acessando o nosso blog semanalmente.    

Sistemas para Internet: salário, curso e mercado de trabalho
Graduação

Sistemas para Internet: salário, curso e mercado de trabalho

03/06/2022 • 3 min de leitura

O fato de o mercado de tecnologia da informação estar em acelerado crescimento ao redor do mundo, já é algo conhecido, não é mesmo? O IDC, organização líder de inteligência de mercado, estima o crescimento de Tecnologia da Informação (TI) em 10,6% em 2022. E neste cenário de crescimento, uma das profissões que se destaca é o Tecnólogo em Sistemas para Internet. O profissional de Sistemas para Internet é responsável por construir soluções conectadas, criar e instalar servidores, como redes e e-commerces, por exemplo. Além disso, também domina técnicas para atuar com o desenvolvimento de sistemas para Web, dentre outras habilidades essenciais. Sistemas para Internet: mercado de trabalho O mercado de trabalho é amplo e o profissional de Sistemas tem ótimas oportunidades de se inserir neste meio. E as vagas são atrativas não só no Brasil, mas também em outros países. No Brasil, os estados de São Paulo, Santa Catarina, Bahia e Ceará são os que mais demandam mão de obra para essa área. A Associação Brasileira de Startups levantou que a Bahia reúne investimentos recentes no setor, cerca de US$ 11,7 milhões.  Isso se dá principalmente porque os negócios nesses Estados estão em pleno crescimento, o que torna também as vagas de trabalho muito atrativas para novos profissionais Para você que se interessou pela profissão e tem interesse em saber como se tornar um profissional tecnólogo em sistemas para internet, nos tópicos abaixo você vai conhecer as principais disciplinas do curso, as oportunidades de trabalho na área e quanto ganha um profissional de Sistemas para Internet. Curso de Sistemas para Internet A formação de Sistemas para Internet é muito ampla, pois é necessário que o profissional domine técnicas que se complementam, como raciocínio lógico, comunicação e matemática, por exemplo. Além de desenvolver um projeto de sistemas, o profissional também precisa saber apresentá-lo a seus colegas de trabalho e clientes. Confira abaixo as principais disciplinas: Banco de Dados Engenharia de Software Gestão Empresarial Arquitetura e Design de Software BigData & Analytics Sistemas para Dispositivos Móveis Computação em Nuvem Ética e Legislação Sistemas de Inovação e Empreendedorismo O que faz um profissional de Sistemas para Internet? Após formado, abrem-se diversas oportunidades para o profissional desta área. Além de desenvolver aplicativos para plataformas móveis, o profissional também pode trabalhar com outros focos, como: Desenvolvedor Front end ou Back end Especialista em WebDev, apto para projetar qualquer tipo de software Segurança de Informação na Web Bancos de Dados Instalação de Redes de Internet Consultoria a empresas Docência Qual o perfil de sucesso de um profissional desta área? Para ter sucesso e crescer na profissão, o profissional de Sistemas para Internet precisa reunir habilidades sociais e técnicas ao mesmo tempo. Por exemplo, para o projeto em que estiver trabalhando, precisa pensar em soluções criativas e inovadoras aplicando da técnica profissional. Mas isso não é suficiente: o profissional também precisará saber negociar, defender pontos de vista e entender com empatia as necessidades e “dores” de seu cliente. Por isso, as habilidades conhecidas como soft skills são muito importantes nesta área. O profissional também precisa saber trabalhar sob pressão e administrar prazos apertados. O especialista em Sistemas para Internet também precisa desenvolver a concentração, raciocínio lógico e ter a visão crítica sempre aprimorada. Essas habilidades, aliadas a uma formação de qualidade, farão com que se destaque no mercado de Tecnologia da Informação. Quanto ganha um profissional de Sistemas para Internet? A remuneração de um profissional de Sistemas para Internet varia de acordo com os seus anos de experiência, bem como o tamanho e nacionalidade da empresa.  Em geral, as maiores empresas – e também as multinacionais – tendem a oferecer salários mais atrativos, pacote de benefícios e possibilidade de crescimento mais acelerado. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), a remuneração dos profissionais desta área começa em R$ 5.623,98, podendo chegar no teto de R$ 13.707,36 (Fonte: Guia da Carreira). Onde estudar Sistemas para Internet? Nada melhor do que fazer um curso da área de Tecnologia da Informação por meio de tecnologia e com a qualidade de ensino técnica do SENAI. Então, que tal estudar Sistemas para Internet com a comodidade do EaD, mas sem deixar de lado a qualidade do Ensino Superior SENAI/SC? Esta é a proposta do curso que está com as inscrições abertas na Faculdade SENAI Florianópolis. As aulas começam em agosto, são 100% EaD, e em 2,5 anos você estará com seu diploma em mãos. Lembrando que o Tecnólogo em Sistemas para Internet é um curso de nível superior, ou seja, uma graduação e não um curso técnico. Saiba a diferença entre curso técnico e tecnólogo nesse conteúdo aqui. Durante a formação os alunos desenvolverão vários sistemas e apps,  utilizando os softwares que as empresas utilizam em seu dia a dia. Todos eles serão mantidos em um repositório e poderão ser apresentados em seu portfólio profissional. Além disso, os professores possuem grande experiência de mercado e atuam nas principais empresas de tecnologia.

Conheça opções de Cursos Técnicos EaD para fazer ainda este ano
Cursos Técnicos

Conheça opções de Cursos Técnicos EaD para fazer ainda este ano

27/05/2022 • 3 min de leitura

  Estudar de forma completamente remota já é uma realidade para alunos das mais diversas modalidades de cursos. Mas, você já parou para pensar se é possível um Curso Técnico, conhecido por ter uma aprendizagem mão na massa, ser ministrado à distância? Em meio a pandemia, o SENAI, instituição reconhecida mundialmente pelo ensino técnico de qualidade, iniciou o seu processo de digitalização. Hoje, já é possível encontrar no portfólio de cursos da Instituição, diversas opções de Cursos Rápidos disponíveis para serem feitos de qualquer lugar do mundo, de forma 100% remota. Mas, não para por aí. Já é possível encontrar Cursos Técnicos 100% EaD do SENAI também! Por que escolher o EaD? Já trouxemos anteriormente no blog, como funciona o ensino EaD e quais os benefícios para o aluno. E uma das maiores vantagens é justamente poder estudar de qualquer lugar, com horários flexíveis e no seu ritmo de aprendizagem. Cursos Técnicos 100% EaD do SENAI Agora que ficou mais fácil inserir o SENAI no seu currículo e garantir a sua capacitação de qualquer lugar do mundo, confira os cursos técnicos mais procurados que estão sendo ofertados de forma 100% EaD no SENAI/SC.   Administração O Curso Técnico em Administração do SENAI traz conteúdos atualizados e alinhados às necessidades gerenciais das organizações, onde você terá acesso a uma experiência inovadora em diversas áreas administrativas. Focado em gestão, este curso técnico contempla disciplinas voltadas para fundamentos da administração e gestão de pessoas.  O curso possui carga horária de 1.000 horas, está com matrículas abertas e descontos disponíveis. Para saber sobre o Curso Técnico em Administração 100% EaD, clique aqui.   Desenvolvimento de Sistemas Neste Curso Técnico os participantes são qualificados para atuar na construção de softwares projetando e implementando programas de computador nas linguagens Java e .NET. Além disso, o estudante aprende a utilizar a tecnologia para o desenvolvimento de sistemas no ambiente Mobile. Tudo isso em um curso técnico que contempla os fundamentos da Tecnologia da Informação, bem como noções de programação e manutenção de sistemas. O curso possui carga horária de 1.200 horas, está com matrículas abertas e descontos disponíveis. Para ter mais informações sobre Curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas 100% EaD, clique aqui. Segurança do Trabalho Com esse curso, você se torna um profissional qualificado para orientar tecnicamente o cumprimento das legislações aplicáveis à saúde, à segurança do trabalho e ao meio ambiente. Além disso, você pode trabalhar na análise dos riscos e doenças do trabalho, emitindo parecer técnico e propondo medidas de prevenção e controle de acordo com as normas vigentes.  O curso possui carga horária de 1.200 horas, está com matrículas abertas e descontos disponíveis. Clique e saiba mais sobre o Curso Técnico em Segurança do Trabalho 100% EaD.   Qualidade Este curso técnico te torna capaz de coordenar uma verdadeira transformação nas empresas. Formando-se nesse curso, você estará capacitado para implementar o sistema da gestão da qualidade, aplicando ferramentas de solução de problemas em busca da melhoria contínua de acordo com as normas e procedimentos técnicos de meio ambiente e segurança. O curso possui carga horária de 800 horas, está com matrículas abertas e descontos disponíveis. Para saber mais sobre o Curso Técnico em Qualidade 100% EaD, clique aqui.   Logística Todas as empresas que produzem ou prestam serviços em grande quantidade precisam de planejamento e organização em armazenagem, transporte e distribuição de bens e serviços. E é aí que entra o técnico do SENAI, um profissional preparado para planejar, executar e controlar as operações dos processos logísticos. O curso possui carga horária de 960 horas, está com matrículas abertas e descontos disponíveis. Clique e veja mais informações sobre o Curso Técnico em Logística 100% EaD. Vale lembrar Os diplomas da educação à distância têm, em garantia por lei, o mesmo valor dos presenciais, em todo território nacional, sendo aceitos pelo mercado de trabalho sem nenhuma distinção. Acesse nosso site e conheça todos os cursos disponíveis.

Jovens no mercado de trabalho: quais as áreas mais promissoras?
Cursos Técnicos

Jovens no mercado de trabalho: quais as áreas mais promissoras?

20/05/2022 • 3 min de leitura

  Você já está preparado para encarar o mercado de trabalho?  Sabemos que um dos grandes obstáculos da inserção de jovens no mercado de trabalho é a falta de qualificação.  Ou seja, se você não estiver preparado para encarar as exigências e competências técnicas do mercado, pode perder grandes oportunidades de conquistar uma carreira profissional de sucesso. A assertividade na escolha da área em que deseja atuar também é essencial para alcançar um bom posicionamento, mas com as inúmeras profissões disponíveis, a hora de decidir por qual caminho profissional seguir acaba se tornando um grande desafio.  Por isso, separamos algumas áreas promissoras que podem ser interessantes. Para que você possa se preparar e aumentar as chances de ter um bom início na sua carreira profissional. Jovens no mercado de trabalho: conheça histórias de quem está se dando bem Investir em um curso técnico pode te levar para um nível mais competitivo no mercado de trabalho, além de ser o pontapé inicial para construir uma trajetória de destaque em alguma área técnica específica.  Se interessou? O SENAI pode te ajudar nesse desafio!  Com cursos alinhados às necessidades das indústrias e empresas é possível a rápida colocação dos jovens no mercado de trabalho por meio dos cursos técnicos.  Cerca de 86,5% dos profissionais técnicos formados pelo SENAI em Santa Catarina conseguem vaga após a formação.  Aprendizagem Industrial + Curso Técnico = receita de sucesso! É o caso da egressa, Leticia Queiroz, que iniciou sua trajetória profissional aos 14 anos no Curso de Aprendizagem Industrial, e logo após apostou no Curso Técnico em Eletrotécnica do SENAI. Hoje ela colhe os frutos de toda dedicação investida no decorrer de sua qualificação.  “Fui inserida rapidamente no mercado de trabalho. Entendo que a conexão do SENAI com as indústrias facilita as oportunidades. Hoje eu só tenho um bom emprego porque fui preparada por excelentes profissionais que agregaram muito a minha carreira”, destaca. Curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas e a fácil colocação no mercado O estudante do Curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas, Antônio Bertolim, conquistou espaço em uma das maiores empresas de tecnologia do Brasil, ainda na primeira fase do curso.   “Quando iniciei no SENAI não imaginava entrar tão rápido para o mercado de trabalho. Após um mês de curso, a oportunidade chegou e fui inserido no mercado de trabalho logo na primeira inscrição de vaga para estágio na minha área”, conta. Possibilidades para ter uma carreira de sucesso Conheça as áreas que estão demandando profissionais técnicos qualificados e que propiciam ótimas oportunidades de crescimento no mercado de trabalho.  Profissão em alta na área de Tecnologia Já falamos aqui no blog sobre algumas profissões que se destacam na área de tecnologia pela grande demanda do mercado de trabalho. Hoje, o destaque vai para o curso Técnico em desenvolvimento de sistemas. Salário: entre R$2.221,00 e R$4.574,00 Esse profissional utiliza a tecnologia para facilitar a vida das pessoas. Projetar e implementar softwares são algumas de suas atribuições, podendo atuar em empresas de diversos segmentos. Possibilidades na área de Metalmecânica Técnico em Mecânica Salário: entre R$2.323,00 e R$4.125,00. Tudo que faz parte do universo de máquinas está ligado a esse profissional, entre suas atribuições está o planejamento de processo produtivo, manutenção e controle da qualidade do maquinário, entre outros. Pode atuar em indústrias e empresas de diversos segmentos.    Técnico em Eletromecânica Salário: entre R$2.273,00 e R$3.878,00 As atribuições desse profissional estão voltadas a desenvolver projetos de sistemas eletromecânicos, montar equipamentos e fazer manutenção de sistemas mecânicos, elétricos e automatizados. Podendo atuar em indústrias, laboratórios de controle de qualidade e concessionárias de energia. Profissionais da área Automotiva Técnico em Manutenção Aeronáutica em Aviônicos Salário: entre R$3.238,00 e R$5.299,00 Profissionais responsáveis pela manutenção de aeronaves. Podem atuar em indústrias, centro de manutenção, oficinas reparadoras, aeroportos e aeroclubes. Técnico em Manutenção Automotiva Salário: entre R$1.907,00 e R$3.520,00. Nesta área, o profissional técnico é responsável por realizar diagnósticos de manutenção corretiva e preventiva, pode atuar em montadoras, oficinas mecânicas, órgãos de vistoria, inspeção e certificação veicular, entre outros. Ficou interessado em alguma dessas áreas? Então venha para o SENAI e saia preparado para o mercado de trabalho. Os cursos técnicos têm duração de dois anos, e você ainda pode optar pelo ensino presencial ou a distância. Consulte mais informações e possibilidades na nossa lista de cursos técnicos.  

Cursos de tecnologia em alta: descubra qual é o melhor para você 
Cursos Rápidos

Cursos de tecnologia em alta: descubra qual é o melhor para você 

10/05/2022 • 4 min de leitura

Não é novidade para ninguém que a área de tecnologia da informação é uma das mais promissoras do mercado. Nos últimos anos, a tecnologia tem se mostrado cada vez mais necessária no cotidiano da maioria das pessoas. O que, consecutivamente, tem gerado um aumento na procura por profissionais qualificados para atuar no setor de TI, independente da área ou segmento da empresa.  Até 2025, quase 800 mil novos postos de trabalho na área de tecnologia devem ser criados no Brasil, de acordo com o estudo realizado pela Brasscom (Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação). E além da possibilidade de trabalho vinculado às empresas, os profissionais de tecnologia também podem ser autônomos, prestando serviços de forma independente e montando um negócio próprio. Você gosta de tecnologia e quer conciliar esse interesse com as oportunidades disponíveis no mercado para garantir seu futuro? Se a sua resposta for sim, buscar uma formação de qualidade é o primeiro passo que você precisa dar para atingir esse objetivo. No SENAI/SC, você irá encontrar diversas opções de Cursos Rápidos e Cursos Técnicos em tecnologia que irão fazer toda a diferença no seu currículo e na sua formação. Então, se você busca uma formação rápida e que te prepare de verdade para atuar na tecnologia, leia o texto abaixo e conheça os cursos de tecnologia que estão em alta!   + + Veja também: Mulheres na tecnologia: crescimento contínuo da área abre mais oportunidades   7 cursos de tecnologia em alta oferecidos pelo SENAI/SC 1 – Curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas Nossa lista inicia com o mais procurado entre os cursos de tecnologia. Aqui, no SENAI/SC, o Curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas qualifica o aluno para atuar em projetos de construção de softwares e implementar programas de computador utilizando as linguagens Java e .NET. Além disso, o estudante também aprende a tecnologia para o desenvolvimento de sistemas no ambiente Mobile. O curso tem a duração de 1.200 horas e abrange os fundamentos da Tecnologia da Informação, assim como noções de programação e manutenção de sistemas. 2 – Curso Técnico em Programação de Jogos Digitais Você é apaixonado pelo mundo dos games? No Curso Técnico em Programação de Jogos Digitais, você irá aprender metodologias e padrões de desenvolvimento para programar e testar jogos digitais integrados aos elementos multimídia e dispositivos. Além disso, a formação também inclui orientações sobre a execução do trabalho de acordo com as normas técnicas, de saúde, de qualidade, preservação ambiental e segurança do trabalho. O curso tem a duração de mil horas. 3 – Curso Técnico em Informática para Internet Se você vive conectado, esse curso é a sua cara. Com ele você irá planejar o desenvolvimento de sistemas e aplicações para a internet, determinando a estrutura de dados, critérios ergonômicos de navegação, interface gráfica e muito mais, sempre seguindo as especificações da lógica e linguagens de programação. A carga horária desse curso também é de mil horas. Ficou interessado(a) em alguma dessas três opções? Temos cursos 100% EaD e presenciais em diversas cidades de Santa Catarina. Acesse a nossa página de cursos e confira! 4 – Curso Técnico em Redes de Computadores Esse é para quem curte não só utilizar a internet, mas também entender o seu funcionamento e criar novas possibilidades com ela! Aqui, você irá desenvolver suas habilidades para interpretar projetos, instalar e configurar estruturas de redes, além de sistemas operacionais e equipamentos. Tudo isso, adotando os recursos de acesso à infraestrutura de redes e de segurança. 5 – Curso Rápido: Manutenção de Computadores Saiba como realizar desmontagem, montagem e manutenção de microcomputadores, além de estar capacitado para instalar, configurar e atualizar programas, componentes e drivers de acordo com requisitos técnicos. O curso tem a duração de 60 horas. 6 – Curso Rápido: CyberOps Associate (100% EaD) Que tal trabalhar na área de segurança de redes? Torne-se um especialista na proteção de sistemas e organizações de riscos, vulnerabilidades e ameaças de segurança cibernética!  Com o Curso Rápido em CyberOps Associate, que possui a duração total de 40 horas, você será capaz de compreender os fundamentos de cibersegurança, além de desenvolver suas habilidades para monitorar, detectar, analisar, investigar e responder aos eventos de segurança.  7 – Cursos Rápidos: Programação em Linguagem Python, PHP ou Java  Os Cursos Rápidos de Programação em Linguagem Python, PHP e Java do SENAI/SC foram criados para ampliar as competências dos profissionais que desejam atuar no desenvolvimento e programação de sistemas computacionais, atendendo as normas e padrões de qualidade, usabilidade, acessibilidade, integridade e segurança da informação.  Nas 40 horas de duração de cada curso, você irá aprender a trabalhar com a linguagem de programação escolhida, tornando-se apto a criar e desenvolver softwares ou comandos para que os computadores executem determinadas ações.   Acabamos de lhe mostrar alguns dos cursos de tecnologia do SENAI/SC que estão em alta.  Caso nenhum dos cursos de tecnologia que estão em alta tenha chamado a sua atenção, você pode consultar nossa lista completa de cursos para encontrar o seu! Agora lembre-se, além de escolher o curso que mais combina com você, a instituição de ensino escolhida também é importante! Prefira optar por uma onde você aprenda de verdade e que seja amplamente reconhecida no mercado. Você sabia? A cada 10 ex-alunos do SENAI, 7 estão empregados! Isso porque, a qualidade do nosso ensino se comprova na prática. Estude na instituição de ensino preferida pelas indústrias na hora das contratações!  Vem pro SENAI/SC! 💙

Descubra cursos de engenharia que estão em alta
Graduação

Descubra cursos de engenharia que estão em alta

06/05/2022 • 3 min de leitura

  Responsável pela resolução de problemas complexos e por conhecer todos os processos de uma grande estrutura, a Engenharia é uma área que só cresce no mercado de trabalho, especialmente em função das revoluções tecnológicas. Se você está pensando se vale a pena investir nessa carreira, a resposta é sim. Pesquisas recentes mostram que há uma grande demanda por engenheiros.  De acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), existe uma escassez de profissionais qualificados na área. Ou seja, há engenheiros suficientes para a atual demanda, mas o mercado de trabalho não está absorvendo estes profissionais porque falta qualificação técnica. Cursos de engenharia mais procurados Atualmente, há mais de 20 opções de engenharias disponíveis, mas são três as mais procuradas no Ensino Superior SENAI de Santa Catarina.  São elas: Engenharia de Controle e Automação Engenharia de Produção Engenharia Mecânica Engenharia de Controle e Automação Os profissionais deste curso são capacitados para trabalhar com equipamentos industriais, seja operando, projetando e/ou gerenciando processos produtivos.  Este profissional é muito demandado no mercado porque reúne conhecimentos em Elétrica, Mecânica e Computação para atuar em indústrias dando todo suporte necessário para softwares e equipamentos voltados à produção industrial e modernizando processos, o que torna a empresa muito mais competitiva.  Engenharia de Produção Se o seu objetivo é trabalhar com foco em aumento de produtividade e rentabilidade, a Engenharia de Produção é para você. Nesta área, o conhecimento é multidisciplinar e prepara o estudante para os desafios e adversidades que ele encontrará nas empresas.  Na indústria, esse profissional é muito requisitado porque desenvolve sistemas buscando maior competitividade. Mas o campo de atuação é muito maior, podendo trabalhar em bancos, hospitais, entre outros setores.  Além da atuação voltada à rentabilidade, estes profissionais também podem trabalhar com Engenharia do Trabalho, gerenciando recursos humanos, ou no Desenvolvimento Organizacional de uma empresa, ajudando a construir e analisar toda a estrutura da organização.   Engenharia Mecânica Neste curso, os profissionais são capacitados para executar projetos de fabricação, operação e manutenção de máquinas e conjuntos mecânicos. Durante o curso, os estudantes entram em contato com disciplinas de Ciências Exatas, como matemática e física.  A atuação destes engenheiros é mais solicitada em indústrias, especialmente na automobilística, na naval e na aeronáutica. Mas a possibilidade de trabalho ainda se estende ao setor de energia, a consultorias, além do campo acadêmico e de pesquisas.   Além do amplo campo de atuação, o mercado de trabalho desta Engenharia oferece salários atrativos e está sempre em busca de profissionais qualificados.  Na hora de escolher a Instituição de Ensino Independente de qual engenharia cursar, na hora de escolher a instituição de ensino, você deve se dar preferência para aquelas que se preocupam em formar profissionais preparados para os desafios do mercado de trabalho.  No Ensino Superior SENAI, a qualidade de ensino é enfatizada pelos professores, que além de mestres e doutores, são referência nas áreas em que atuam e têm amplo contato com o mercado. Esse relacionamento é fundamental para que o aluno acesse o que há de mais atual nas mais diversas áreas da indústria e desenvolva um networking altamente qualificado . Além disso, toda a metodologia é voltada para a prática profissional. O ‘aprender fazendo’ perpassa tanto o desenvolvimento pessoal do aluno quanto a formação que a indústria precisa: prático, ágil e atualizado, apto a transformar e resolver os desafios do mundo dos negócios. Sem falar que o SENAI de Santa Catarina tem o compromisso de formar profissionais qualificados nas áreas de engenharias e tecnologias, capazes de impactar positivamente a realidade da indústria e aptos à tomada de decisão para promover uma melhor qualidade de vida para a sociedade como um todo. Ou seja, você sai da Graduação com conhecimento e vivência que precisa para encarar os desafios do mundo do trabalho. Quer se tornar um profissional capacitado? O SENAI de Santa Catarina pode te ajudar! Conheça nossos cursos.

O que você precisa saber sobre logística
Cursos Rápidos

O que você precisa saber sobre logística

29/04/2022 • 3 min de leitura

Quando você pensa em logística, qual é a primeira coisa que vem à sua mente? Em geral, as pessoas associam a logística ao transporte, o que não necessariamente está errado. Contudo, limitar o conceito da gestão logística apenas ao transporte é algo equivocado, visto que essa é apenas uma das várias etapas dos processos logísticos.  Todos os produtos e serviços que você consome, desde itens básicos como alimentação e vestuário, passam por processos logísticos. Assim, a logística diz respeito a uma série de etapas necessárias para fazer, por exemplo, com que a camisa do seu time esteja disponível no local certo, dentro do tempo estipulado, com a qualidade que você merece. Ou seja, é uma área de extrema importância dentro de um mercado cada vez mais exigente e competitivo. Vamos conhecer mais sobre o assunto? Conceito de logística Presente em qualquer organização, a logística tem o papel de planejar e executar todas as tarefas e decisões dentro da empresa, desde a aquisição da matéria-prima, produção, movimentação, armazenagem e entrega ao consumidor final. Isso tudo considerando os devidos cuidados com a satisfação dos clientes e a redução de custos. Na prática, ela faz o gerenciamento dos fluxos de todos os processos envolvidos na produção do bem ou serviço. Por isso, conhecer os processos logísticos da empresa é o primeiro passo para definir estratégias assertivas em busca de otimização.  Etapas dos processos logísticos As etapas mais importantes para uma boa estratégia logística podem variar de acordo com cada empresa e ramo de atividade. Contudo, existem alguns processos críticos que se destacam, como:  Transporte Diz respeito ao gerenciamento dos modais de transporte necessários para movimentar a mercadoria, seja quando ela ainda é matéria-prima ou produto acabado. Os modais mais utilizados no Brasil incluem o rodoviário, ferroviário, dutoviário, aquaviário e aéreo.  Movimentação Enquanto o transporte está relacionado ao ambiente externo a empresa, a movimentação compreende o transporte interno, ou seja, como a mercadoria é transportada dentro da organização e ao longo da cadeia produtiva. Armazenamento Inclui a gestão de estoques. Novamente, tanto da matéria-prima, quanto dos produtos acabados. É um processo bem importante e que quando bem administrado, evita perdas e custos desnecessários. Por isso, muitas empresas fazem uso de softwares para gerenciar o fluxo de armazenamento.  Informação e comunicação Para que os processos possam fluir com agilidade, todas as informações relacionadas a cadeia logística devem ser acessíveis e de fácil leitura, preferencialmente padronizadas e concentradas em um único lugar (software), ou então, com softwares interligados. Além disso, a comunicação entre as pessoas e departamentos é outro ponto crítico, pois a troca de informações erradas gera retrabalho, atrasos e prejuízos.  Demanda Controlar a demanda em toda a cadeia produtiva é o básico para otimizar os processos logísticos. Por exemplo, é preciso saber quanto e quando adquirir a matéria-prima a fim de otimizar sua vida útil, as etapas de produção e o giro de estoque. Como melhorar os processos logísticos da empresa? Boa relação com fornecedores: a qualidade dos produtos e o comprometimento com os prazos de entrega são pontos-chave, por isso, ter bons fornecedores é imprescindível.  Integração: quando os processos são conectados, por meio de ferramentas tecnológicas, a gestão da cadeia de suprimentos torna-se mais estratégica. Estoque inteligente: saber o quê, quando, onde e como estocar reflete diretamente na qualidade do produto, bem como na agilidade dos processos e redução de custos. Comprometimento com os prazos:  pontualidade é sinônimo de satisfação. Então, a definição dos prazos com os fornecedores e clientes deve estar de acordo com o que a empresa consegue cumprir. Experiência do cliente: garantir a satisfação do cliente é um dos principais objetivos. Nesse sentido, como já pontuado, deve-se ter máxima atenção à qualidade do produto/serviço e tempo de entrega. O modo como ele chegará até o cliente (embalagem) também é importante. Afinal, ninguém quer receber algo extraviado.  Tipos de logística Logística de suprimentos Integrada Logística de produção Logística de distribuição Reversa Como ser um profissional de logística? Quer se tornar um profissional capacitado para atuar com o planejamento, execução e controle dos processos logísticos? O SENAI-SC te ajuda! Você pode fazer um curso técnico ou rápido, disponíveis nas modalidades presencial e EaD. Escolha a melhor opção para você: Técnico em Logística  Logística de Suprimentos e Compras Logística Portuária

Curso técnico em TI: conheça as possibilidades
Cursos Técnicos

Curso técnico em TI: conheça as possibilidades

13/04/2022 • 3 min de leitura

Já falamos por aqui que, com a pandemia, houve um aumento de demanda no mercado de trabalho da área de tecnologia. Segundo a CBN, foi registrado um crescimento de mais de 670% na busca de profissionais de tecnologia só em 2020.  Essa renovação digital colocou o profissional de tecnologia entre as 10 profissões em maior crescimento no país. Dados da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) estimam que até 2024 sejam geradas mais de 350 mil vagas na área de Tecnologia da Informação (TI).  Os profissionais mais requisitados da área são: analista de sistemas, analista de suporte, analista de business intelligence, desenvolvedor e o técnico em TI. O mercado de trabalho é favorável e vale lembrar que a área de tecnologia também lidera o ranking com o maior número de vagas voltadas para profissionais recém-formados, segundo um levantamento realizado pelo LinkedIn. Em resumo, hoje, um profissional de TI com uma boa formação consegue entrar no mercado sem  grandes dificuldades. Quer algumas dicas de curso técnico em TI para você iniciar a sua carreira? Confira! Como se tornar um profissional de TI A área de tecnologia é muito ampla. Entre as diversas possibilidades, o profissional de TI  pode trabalhar desde a programação até engenharia da computação. É importante conhecer as opções e identificar o nicho de atuação que mais se adequa ao seu perfil.  O SENAI oferece diversas opções para quem quer atuar na área de TI. Confira algumas: Curso Técnico em Redes de Computadores No curso você aprende a desenvolver habilidades em interpretação de projetos, instalação e configuração de estrutura de redes, equipamentos e sistemas operacionais, além de adoção de recursos de segurança e de acesso à infraestrutura de redes. O curso é híbrido e carga horária de 1000 horas. Confira as cidades disponíveis. Curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas Os alunos estarão qualificados para atuar na construção de softwares projetando e implementando programas de computador nas linguagens Java e .NET. Além disso, o estudante aprende a utilizar a tecnologia para o desenvolvimento de sistemas no ambiente Mobile. O curso é 100% EAD e tem carga horária de 1200 horas. Curso Técnico em Programação de Jogos Digitais No curso, você desenvolve a habilidade de programar e testar jogos digitais integrando dispositivos e elementos multimídia, de acordo com metodologias e padrões de desenvolvimento, adotando normas técnicas, de qualidade, de saúde e segurança do trabalho e preservação ambiental. O curso é presencial, confira as cidades disponíveis. Cursos superiores na área de TI Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas  A graduação neste curso permite explorar e a tecnologia da informação e comunicação com muita qualidade, raciocínio lógico e autonomia intelectual. O curso é híbrido e com carga 2020 horas. Superior de Tecnologia em Sistemas para internet O Tecnólogo em Sistemas para Internet irá desenvolver e gerenciar projetos de sistemas para internet, utilizando tecnologias emergentes, boas práticas de usabilidade, normas e padrões de qualidade e de segurança da informação.  O curso é presencial ou híbrido com carga horária 2060 horas. Confira as cidades disponíveis. Engenharia de Computação O curso de Engenharia de Computação tem como objetivo principal atender a uma crescente demanda da indústria local por recursos humanos com formação profissional na área de engenharia, com perfil técnico e empreendedor, com conhecimento específico na área e de suas aplicações ao projeto, desenvolvimento de software, infraestrutura e serviços, aptos a contribuírem de forma significativa para a excelência industrial e, por consequência, com a competitividade das indústrias e o desenvolvimento sustentável. O curso é presencial com carga horária 4060 horas. Confira as cidades disponíveis. Curtiu? Acesse a página completa de cursos do SENAI e escolha o que mais se adequa ao seu perfil. São milhares de cursos: rápidos, técnicos, graduações, pós-graduações e muito mais!