Sistemas para Internet: salário, curso e mercado de trabalho

Sistemas para Internet: salário, curso e mercado de trabalho

Graduação
Sistemas para Internet: salário, curso e mercado de trabalho

03/06/2022 3 min de leitura

O fato de o mercado de tecnologia da informação estar em acelerado crescimento ao redor do mundo, já é algo conhecido, não é mesmo?

O IDC, organização líder de inteligência de mercado, estima o crescimento de Tecnologia da Informação (TI) em 10,6% em 2022. E neste cenário de crescimento, uma das profissões que se destaca é o Tecnólogo em Sistemas para Internet.

O profissional de Sistemas para Internet é responsável por construir soluções conectadas, criar e instalar servidores, como redes e e-commerces, por exemplo. Além disso, também domina técnicas para atuar com o desenvolvimento de sistemas para Web, dentre outras habilidades essenciais.

Sistemas para Internet: mercado de trabalho

O mercado de trabalho é amplo e o profissional de Sistemas tem ótimas oportunidades de se inserir neste meio. E as vagas são atrativas não só no Brasil, mas também em outros países.

No Brasil, os estados de São Paulo, Santa Catarina, Bahia e Ceará são os que mais demandam mão de obra para essa área.

A Associação Brasileira de Startups levantou que a Bahia reúne investimentos recentes no setor, cerca de US$ 11,7 milhões. 

Isso se dá principalmente porque os negócios nesses Estados estão em pleno crescimento, o que torna também as vagas de trabalho muito atrativas para novos profissionais

Para você que se interessou pela profissão e tem interesse em saber como se tornar um profissional tecnólogo em sistemas para internet, nos tópicos abaixo você vai conhecer as principais disciplinas do curso, as oportunidades de trabalho na área e quanto ganha um profissional de Sistemas para Internet.

Curso de Sistemas para Internet

A formação de Sistemas para Internet é muito ampla, pois é necessário que o profissional domine técnicas que se complementam, como raciocínio lógico, comunicação e matemática, por exemplo. Além de desenvolver um projeto de sistemas, o profissional também precisa saber apresentá-lo a seus colegas de trabalho e clientes.

Confira abaixo as principais disciplinas:

  • Banco de Dados
  • Engenharia de Software
  • Gestão Empresarial
  • Arquitetura e Design de Software
  • BigData & Analytics
  • Sistemas para Dispositivos Móveis
  • Computação em Nuvem
  • Ética e Legislação
  • Sistemas de Inovação e Empreendedorismo

O que faz um profissional de Sistemas para Internet?

Após formado, abrem-se diversas oportunidades para o profissional desta área. Além de desenvolver aplicativos para plataformas móveis, o profissional também pode trabalhar com outros focos, como:

  • Desenvolvedor Front end ou Back end
  • Especialista em WebDev, apto para projetar qualquer tipo de software
  • Segurança de Informação na Web
  • Bancos de Dados
  • Instalação de Redes de Internet
  • Consultoria a empresas
  • Docência

Qual o perfil de sucesso de um profissional desta área?

Para ter sucesso e crescer na profissão, o profissional de Sistemas para Internet precisa reunir habilidades sociais e técnicas ao mesmo tempo. Por exemplo, para o projeto em que estiver trabalhando, precisa pensar em soluções criativas e inovadoras aplicando da técnica profissional.

Mas isso não é suficiente: o profissional também precisará saber negociar, defender pontos de vista e entender com empatia as necessidades e “dores” de seu cliente. Por isso, as habilidades conhecidas como soft skills são muito importantes nesta área. O profissional também precisa saber trabalhar sob pressão e administrar prazos apertados.

O especialista em Sistemas para Internet também precisa desenvolver a concentração, raciocínio lógico e ter a visão crítica sempre aprimorada. Essas habilidades, aliadas a uma formação de qualidade, farão com que se destaque no mercado de Tecnologia da Informação.

Quanto ganha um profissional de Sistemas para Internet?

A remuneração de um profissional de Sistemas para Internet varia de acordo com os seus anos de experiência, bem como o tamanho e nacionalidade da empresa. 

Em geral, as maiores empresas – e também as multinacionais – tendem a oferecer salários mais atrativos, pacote de benefícios e possibilidade de crescimento mais acelerado.

De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), a remuneração dos profissionais desta área começa em R$ 5.623,98, podendo chegar no teto de R$ 13.707,36 (Fonte: Guia da Carreira).

Onde estudar Sistemas para Internet?

Nada melhor do que fazer um curso da área de Tecnologia da Informação por meio de tecnologia e com a qualidade de ensino técnica do SENAI.

Então, que tal estudar Sistemas para Internet com a comodidade do EaD, mas sem deixar de lado a qualidade do Ensino Superior SENAI/SC? Esta é a proposta do curso que em breve estará com as inscrições abertas na Faculdade SENAI Florianópolis. As aulas começam em agosto, são 100% EaD, e em 2,5 anos você estará com seu diploma em mãos.

Lembrando que o Tecnólogo em Sistemas para Internet é um curso de nível superior, ou seja, uma graduação e não um curso técnico. Saiba a diferença entre curso técnico e tecnólogo nesse conteúdo aqui.

Durante a formação os alunos desenvolverão vários sistemas e apps,  utilizando os softwares que as empresas utilizam em seu dia a dia. Todos eles serão mantidos em um repositório e poderão ser apresentados em seu portfólio profissional. Além disso, os professores possuem grande experiência de mercado e atuam nas principais empresas de tecnologia.