Conheça os desafios e possibilidades proporcionados pela mobilidade elétrica

Conheça os desafios e possibilidades proporcionados pela mobilidade elétrica

Mercado de trabalho
Conheça os desafios e possibilidades proporcionados pela mobilidade elétrica

17/08/2021 3 min de leitura

Os desafios impostos pelo cenário ambiental, movimentam a busca por soluções cada vez mais sustentáveis. Fazem parte desta pauta a mobilidade elétrica e o uso de energias renováveis.

O Acordo de Paris, tratado mundial com o objetivo de reduzir o aquecimento global, alerta: precisamos de ações concretas em relação ao consumo de energia e a redução na emissão de GEE – Gases do Efeito Estufa. Caso contrário, teremos níveis alarmantes no aumento de temperatura do planeta.

O acordo propõe a descarbonização no setor de transporte em 18%, até 2050, limitando o aumento da temperatura no planeta em 2° Celsius. Sem essa redução, pode-se atingir alarmantes 6° Celsius.

A declaração de Paris de Eletromobilidade e Mudança de Clima estabelece um objetivo global de 100 milhões de carros elétricos e 400 milhões de motos e triciclos em 2030.

O tema é urgente, mas ainda há muito o que discutir. Neste artigo, trazemos as principais informações. Confira!

Quando os veículos deixarão de utilizar combustível fóssil e serão definitivamente elétricos?

A resposta depende de diversos fatores. Entre eles, inclui-se uma mudança estrutural de grande porte, levando em conta os aspectos tecnológicos, sociais, mercadológicos e sem dúvida, ambientais.

É necessário estabelecer um novo ecossistema que inclui: 

– As montadoras de veículos; 

– Os fornecedores de energias renováveis;

– As indústrias dos mais variados setores;

– Soluções tecnológicas;

– Órgãos governamentais; 

– E os consumidores.

Além disso, não podemos deixar de citar também a importância de termos profissionais especializados e preparados para contribuir com essa evolução.

A mobilidade elétrica no Brasil e no mundo

A substituição de veículos automotores a combustão já é uma realidade em países desenvolvidos. De acordo com estudo da Boston Consulting Group, países desenvolvidos já preveem altos índices de vendas de veículos elétricos até 2030: EUA 79%, União Europeia 88% e China 96%.

No Brasil, avançamos de forma lenta, porém já registramos recordes. De acordo com a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE), no primeiro quadrimestre de 2021, o país registrou 7290 veículos novos emplacados.

O aumento foi de 29,4% sobre o primeiro quadrimestre de 2020. Esses dados reforçam a previsão da própria ABVE de que o mercado nacional deve ultrapassar a marca de 28 mil eletrificados só em 2021.

Os principais desafios para o setor

Ainda temos obstáculos a serem superados, como: a falta de incentivos financeiros por parte do governo, leis que obriguem a reduzir a emissão de GEE, normas regulamentadoras e investimentos em estações de recarga. 

Além disso, a necessidade de profissionais especializados e preparados para contribuir com essa evolução também é um ponto a ser considerado. 

Que os veículos elétricos são a melhor solução para o problema, definitivamente não restam dúvidas. De acordo com Adalberto Maluf, presidente da ABVE e professor do MBI em Mobilidade Elétrica e Energias Renováveis da Faculdade SENAI, os carros elétricos podem ser até 6x mais eficientes e ter manutenção até 4x mais barata em comparação aos carros tradicionais que utilizam motor a combustão. 

Mobilidade elétrica: novos cenários para o mercado de trabalho

Atualmente, a necessidade de profissionais capacitados  para contribuir com a evolução da mobilidade elétrica e as energias renováveis é sobretudo um ponto a ser considerado. 

O Ministério de Minas e Energia (MME), em pesquisa recente, previu uma grande demanda por perfis especialistas em veículos elétricos, em infraestrutura e instalação de eletropostos e em soluções de mobilidade urbana. 

De acordo com o estudo, para o futuro, novas competências são requeridas, como conhecimento em integração de fontes de energia renováveis e sistemas de armazenamento de energia; aprendizados sobre novos modelos de negócios e gestão energética; e uso de ciência de dados em gestão de operação e manutenção de sistemas.

Assim, para contribuir com a formação e desenvolvimento desses profissionais do futuro, a Faculdade SENAI oferece o MBI em Mobilidade Elétrica e Energias Renováveis

MBI em Mobilidade Elétrica e Energias Renováveis da Faculdade SENAI

Apoiado na parceria entre os Sistemas Fiesc e Fiep, o MBI em Mobilidade Elétrica e Energias Renováveis será conduzido por especialistas da indústria, com reputação e experiência reconhecidas, além de professores oriundos das duas casas. 

Além do time de especialistas referência no mercado, são realizadas imersões em ambientes como Institutos de Inovação e empresas de referência nessa área, criando a oportunidade perfeita para aplicar os conhecimentos na prática.

Aproprie-se das novas tendências e contribua, como cidadão do século XXI, para uma sociedade sustentável e muito mais eficiente, adquirindo conhecimento materializado em produtos, soluções e serviços inovadores.

Quer estar preparado para o mercado de trabalho? Conheça os cursos de graduação e pós-graduação da Faculdade SENAI, venha aprender com quem mais entende de indústria.

https://cursos.sesisenai.org.br/detalhes/mbi-em-mobilidade-eletrica-e-energias-renovaveis/25984